BLOG

TRABALHAMOS COM
SERIEDADE, RESPEITO E CARINHO!

A importância da caixa de transportes

Caixas de transporte podem fazer milagres!

A utilização de caixas de transporte tem sido cada vez mais difundida entre aqueles que convivem com cães. E por quê? Por conta de sua utilidade e da possibilidade de proporcionar bem estar aos cães!

Sim, bem estar. Muitos acreditam que deixar um cão fechado numa caixa de transporte é uma tremenda injustiça com o bichinho. Mas a realidade é justamente o contrário: quando habituados à sua caixa, os cães se sentem seguros e confortáveis, e acabam procurando sua “casa” mesmo quando não solicitado!

BENEFÍCIOS

Habituar um cão a ser mantido na caixa de transporte traz mais benefícios do que as pessoas imaginam:

* quando filhote, o cão que fica por determinados períodos dentro da caixa de transporte, terá oportunidade de descansar em paz, livre de aborrecimentos causados especialmente por outras pessoas, encantadas com o filhotinho fofo, mas que também tem necessidade de muito descanso;

* este mesmo filhote poderá ser ensinado a fazer as necessidades no lugar certo com o uso da caixa de transporte. Sim, é verdade! Como? Mais detalhes, logo adiante;

* quando se tem a intenção de levar o cão para um passeio, e o carro for a melhor alternativa, a caixa de transporte garantirá a devida segurança ao amigo peludo. Em caso de acidente, por mais banal que seja a “batida”, um cão estará mais seguro solto no banco de trás, ou dentro da caixa de transporte, devidamente amparada e presa por um cinto de segurança?

* em caso de viagem por via aérea, a única forma de levar o cão será dentro de uma caixa de transporte. Apesar de muitas companhias já abrirem exceções e permitirem cães na cabine, na maior parte das vezes, eles devem, de qualquer forma, ser mantidos em caixas de transporte. Cães de grande porte, vão no compartimento de bagagem. Onde? Dentro de uma caixa de transporte. Assim, se o cão já estiver acostumado a ficar dentro de sua própria caixa, certamente a experiência será muito mais tranqüila!

* filhotes tendem a ser destrutivos. Na falta de estímulos corretos, e também brinquedos apropriados para morder, roerão o que encontrarem pela frente! Na caixa de transporte com seus brinquedos de roer, o filhotinho estará entretido e não destruirá móveis e objetos adorados pelos humanos...

ATENÇÃO: as caixas de transporte NÃO servem para que o cão seja mantido ali o dia todo, o tempo todo! Não é este o objetivo! Como afirmo e reafirmo incansavelmente: cães são animais extremamente sociais, que precisam de convivência com pessoas, outros cães e outros animais, para serem mentalmente saudáveis. A caixa de transporte deve ser utilizada por períodos de tempo, sendo, nestas ocasiões, o “canto”, o “quarto”, a “toca” do cão!

COMO ACOSTUMÁ-LO?

Não basta, simplesmente, colocar o cão dentro de uma caixa, fechar a portinha e deixá-lo lá. Como tudo que se refere a cães e animais em geral, associar as experiências com algo positivo é a melhor forma de conseguir os progressos esperados.

Assim, o ideal é incentivar o cão a entrar na nova toca e, caso ele assim faça, elogiá-lo bastante. Mas deixá-lo, neste primeiro momento, livre para entrar e sair de acordo com sua vontade, ainda sem fechar a portinha.

Pode-se colocar os paninhos do cão dentro da caixa, assim como seus brinquedos preferidos, sempre lembrando de elogiar bastante quando ele estiver lá dentro. A caixa deve se tornar a casinha do cão, onde ele irá, inclusive, dormir a noite.

As refeições devem ser feitas lá dentro. Colocando o pote de comida na caixa, o cão rapidamente irá associar que ali é o seu "canto".

À medida que o cão se mostrar mais e mais confortável dentro da caixa, pode-se começar a fechar a portinha. Num primeiro momento, por alguns segundos, para abrir imediatamente depois, sem grandes alardes. Depois, aumenta-se o tempo, momentos em que o cão deve ser deixado lá com brinquedos ou ossos para que se distraia.

Quando o peludo estiver bastante confortável na caixa, já tendo eleito sua nova "casa", seu "refúgio", poderá ser deixado fechado lá durante a noite (desde que não seja muito filhote, pois precisará fazer um xixi...). Cães saudáveis, que tem atividade coerente com sua disposição e forma física, serão gratos por terem um “quarto” só seu durante o período de descanso. E o cão não está sendo, de forma alguma, maltratado.

Na maior parte das vezes, nem é necessário seguir todos os passos acima. Ao ser apresentado a uma caixa de transporte, a maior parte dos cães já passará a entrar e sair tranquilamente, sem que seja necessário qualquer estímulo humano!

PARA VIAGENS INTERNACIONAIS.

A escolha da caixa de transporte é muito importante, além de proporcionar o máximo de conforto e segurança para seu bichinho, ela deve estar em conformidade com as exigências das companhias aéreas e também com as exigências da IATA (International Air Transporte Association). A Petwork Travel indica as caixas Vari Kennel , Sky Kennel e Pettour.

  • Rua Cyro Schmutzer Franco, 174
  • Jd Bom Clima - Guarulhos – SP
  • 11 3370-0491

  • 11 4386-4602

  • comercial@petworktravel.com.br
  • falecom@petworktravel.com.br